PUBLICIDADE  
 
 
 
HOME SOBRE BRESSER-PEREIRA PÁGINA NO FACEBOOK
BONS ARTIGOS QUE LI BONS FILMES QUE ASSISTI

BRAZILIAN JOURNAL OF POLITICAL ECONOMY

OLHAR O MUNDO FALE CONOSCO
 
  Tipos de trabalhos  
 

Quem é/Who is

A guide to my work
Currículos / CVs
Short cv & bio
Textos autobiográficos
Sobre Bresser-Pereira

Tipos de Trabalhos

Livros
Livros na íntegra
Livros organizados (edited)
Papers
Pequenos textos, prefácios, etc.
Texto para Discussão
Artigos de jornal & Entrevistas
Principais Entrevistas
Notas no Facebook
Cartas
Críticas de Cinema
Documentos & Relatórios
Programas / Syllabus
Apresentações / Slides
Vídeos e Áudios





Outros idiomas

Works in English
Weekly Columns
Oeuvres en Français
Trabajos en Español

Método

Método científico

Novo Desenvolvimentismo

Novo Desenvolvimentismo (textos básicos)
Desenvolvimentismo Clássico (textos básicos)
Novo Desenvolvimentismo (economia política)
Novo Desenvolvimentismo (teoria econômica)
Novo Desenvolvimentismo (aplicado)
Novo Desenvolvimentismo (contribuições e críticas de terceiros)

Sociedade-Capitalismo

Teoria social - textos básicos
Teoria social (todos)
Capitalismo e modernidade
Classes e tecnoburocracia
Revolução Capitalista e ...
Revoluções, Revoltas e Movimentos
Globalização
Organização administração
Estatismo e URSS

Política

Teoria política - textos básicos
Teoria política (todos)
Teoria do Estado
Sociedade civil
Republicanismo e direitos de cidadania
Teoria da Democracia
Ciclos do Estado
Populismo político e econômico
Nação e nacionalismo
Social democracia e esquerda
Neoliberalismo e globalismo
Interpretações do Brasil
Pactos políticos e coalizões de classes - Br
Democracia no Brasil
Teoria da Dependência
História intelectual
Perfis individuais
Política Externa - Br
Burocracia pública - Br
Empresários e administradores - Br
Reforma da universidade
Conjuntura Política - Br
Reforma Gerencial - Teoria
Reforma Gerencial - Brasil

Economia

Teoria econômica - Textos básicos
Teoria econômica (todos)
Teoria do Desenvolvimento Econômico
Crítica da teoria neoclássica
Desigualdade e Distribuição
Teoria macroeconômica
Política e Economia
Câmbio e poupança externa
Câmbio e Doença Holandesa
Câmbio e crescimento
Crises econômico-financeiras
Dívida externa
Investimentos e taxa de lucro
Inflação
Inflação inercial
Comércio e integração
Economia mundial
Crise global de 2008
Desenvolvimento econômico - Br
Macroeconomia do Brasil
Populismo econômico - Br
Desindustrialização - Br
Crise fiscal do Estado - Br
Planos de estabilização - Br
Plano Bresser
Quase-estagnação desde 1980 - Br
Conjuntura Econômica - Br

Países e regiões

Relações internacionais
América Latina
Argentina
Estados Unidos
Europa

Trabalhos de terceiros

Bons artigos que li recentemente
Reforma Gerencial - Terceiros
Cursos
Debate sobre "Crescimento com Estabilidade"(2001)
Notícias e Comentários

Ações / Ministérios

Ministério da Fazenda
Plano Bresser
MCT Ministério da Ciência & Tecnologia
Fundação Getulio Vargas, São Paulo

MARE - Ministério da Reforma do Estado

Documentos da Reforma
Reforma Gerencial - Teoria
Reforma Gerencial - Brasil
Reforma Gerencial - Terceiros
Agências Executivas e Reguladoras
Organizações Sociais
Gestão da Saúde
Gestão da Educação
Implementação Nível Federal
Implementação São Paulo
Implementação Minas Gerais
Implementação Outros Estados
Bibliografia da Reforma da Gestão Pública
Cadernos MARE
América Latina: Declaração de Madri (Clad)
Leis sobre Organizações Sociais
 
 
 

 

Reforma Gerencial - Terceiros


  Documentos 1 a 48 de 48
Parcerias com o terceiro setor no Brasil: evolução e aspectos críticos nos últimos 20 anos
Otavio Augusto Venturini de Sousa (2015) A proposta do presente artigo é realizar um balanço da evolução e dos principais desafios das parcerias com o terceiro setor no Brasil nos últimos 20 (vinte) anos.
Entre a demanda e a oferta: a lógica da competição na implementação do modelo de organização social para gerência do serviço público de saúde
Otavio Augusto Venturini de Sousa (2015). O autor analisa o implemento da lógica da competição na prestação de serviços públicos de saúde no Brasil.
A Lei de Responsabilidade Fiscal e a estrutura organizacional da Secretaria do Tesouro Nacional. O caso da Coordenação Geral de Operações de Crédito de Estados e Municípios - COPEM
Carlos Frederico de Alverga (2015) Trabalho de conclusão de curso do CIPAD para obter o título de Especialista em Administração Pública.
Gestão pública - constatações e aprendizados
Helena Pinheiro (2014) O objetivo deste texto é compartilhar aprendizados, constatações e dúvidas que me ocorreram durante o período em que tive a oportunidade de trabalhar junto a órgãos governamentais federais e estaduais em seu esforço de aprimoramento da gestão.
Governo Federal não é mais referência em gestão pública
Renata Vilhena (2013) Sem liderança política não se faz choque de gestão porque a pressão é muito grande na alocação de recursos (Entrevista)
Gastos públicos serão previsíveis por 3 anos
Ribamar Oliveira (2012) Dilma coloca sob controle despesas com o funcionalismo.
Sobre as recentes alterações na lei que rege as PPPs
Rodrigo Fonseca Chauvet (2012) MP permite que estados, Distrito Federal e os municípios comprometam até 5% de suas receitas.
Mejorando el desempeño del sector salud en Brasil: comparación entre distintos modelos de hospitales
2007. Jeffrey Rinne. A finales de los noventa el gobierno de São Paulo adoptó un nuevo modelo de gestión para administar un grupo de hospitales públicos del estado. El modelo, llamado OSS (Organizaciones Sociales en Salud), fue creado por estatuto para hacer posible una sociedad formal entre el estado y organizaciones sin fines de lucro del sector privado.
Avanços e perspectivas de gestão pública nos Estados: agenda, aprendizado e coalizão
2006. Fernando Luiz Abrucio e Francisco Gaetani. Artigo que procura decifrar a trajetória recente da gestão pública estadual e vislumbrar o caminho a ser percorrido (Paper).
Eficiência e eficácia de sistemas de regulação: o caso brasileiro
2005. Luiz Alberto dos Santos. O Governo Brasileiro vem promovendo a reavaliação e reformatação institucional das Agências Reguladoras, por meio da revisão da legislação em vigor e a criação de uma "Lei Geral" das Agências Reguladoras, visando a melhorar a qualidade da gestão dessas instituições e assegurar-lhes condições de operação adequadas ao contexto da governabilidade democrática. (Paper: X Congreso Internacional del CLAD)
Profissionalização da gestão pública e metodologia participativa
2005. Jackson De Toni. O objetivo desse texto consiste em problematizar o paradigma de gestão dominante no Estado tal como o encontramos estruturado na realidade brasileira contemporânea. Identificação das premissas e dos caminhos da implementação de um modelo caracterizado pela eficácia, eficiência, desenvolvimento contínuo de competências e democratização das relações de trabalho. (Paper: X Congreso Internacional del CLAD)
Formação de carreiras para a gestão pública contemporânea: o caso dos especialistas em políticas públicas e gestão governamental
2005. Elisabete Ferrarezi e Adélia Zimbrão. O objetivo desta apresentação é analisar duas edições realizadas desse novo curso de formação de Especialista em Políticas Públicas e Gestão Governamental e discuti-la tendo em vista os desafios contemporâneos da administração pública. (Paper: X Congreso Internacional del CLAD)
Capacitação de funcionários da área de atendimento: relato de uma experiência bem sucedida de melhoria de qualidade dos serviços prestados ao cidadão
2005. Márcia Angare Pereira. Este artigo relata o projeto de capacitação do Curso de Melhoria da Qualidade do Atendimento ao Cidadão e suas conclusões realizado em 2004 pela Fundação do Desenvolvimento Administrativo - Fundap, visando implementar uma política de capacitação dos servidores públicos estaduais. (Paper: X Congreso Internacional del CLAD)
State capacity and institutional change: a case study of telecom regulation in Brazil
2005. Marcus Melo, Francisco Gaetani e Carlos Pereira. These reforms which have transformed the structure and the role of the states in the region reflect to a large extent the pressures that have developed as a result of the globalization process. A landmark in this process was the international agreement at the World Trade Organization for the liberalization of telecommunications. (Paper: X Congreso Internacional del CLAD)
The market of policy evaluation in the brazilian federal government public policy, policy evaluation, and government responses
2005. Francisco Gaetani. The text focuses on the dilemmas related to the institutionalization of evaluation practices and their insertion in Brazilian policy making processes. Despite recent improvements in the government monitoring and coordination capacities, policy evaluation remains an unstructured area with respect to the policy-making processes. (Paper: X Congreso Internacional del CLAD)
Organizações sociais a experiência da Secretaria de Estado da Saúde de São Paulo
2005. Marcio Cidade Gomes. O texto relata o processo institucional, o cenário e, particularmente, a seqüência de ações que culminaram, no momento atual, em dezesseis serviços de saúde sob Contrato de Gestão. (PaperIn Levy Drago (orgs.), Gestão Pública no Brasil Contemporâneo. São Paulo FUNDAP, pp.164-84).
Reforma da gestão pública de 1995-98
Regina Pacheco (2004) "The 1995 Public Management Reform". Paper in the Festricht of Bresser-Pereira, Em Busca do Novo. (Paper in edited book)
Plano diretor da reforma do aparelho do estado e organizações sociais
2000. Elida Graziane Pinto. Uma discussão dos pressupostos do "modelo" de reforma do Estado Brasileiro.
Políticas de gestão pública e políticas regulatórias: contrastes e interfaces
2004. Francisco Gaetani. O presente texto focaliza o processo de mudança nas políticas regulatórias e em duas políticas que em geral são mais identificadas com as Políticas de Gestão Pública: a organização do serviço público e o desenho das organizações públicas. (Paper: IX Congreso Internacional del CLAD).
Regulación en Argentina y Brasil. Análisis comparativo de los modelos institucionales
2004. Enrique Saravia. (Paper: Revista del CLAD Reforma y Democracia)
Levantamento teórico sobre as causas dos insucessos das tentativas de reforma administrativa
2003. Carlos Frederico Alverga.
Public management policy initiatives of the Lula's government
2003. Francisco Gaetani. The text is organized as a comment of Lula's government first semester in the area of public management. The text identifies policy commonalities in all areas in which public management initiatives have been started since January 2003. (Paper: VIII Congreso Internacional del CLAD)
O governo Lula e os desafios da política regulatória no setor de infra-estrutura
2003. Francisco Gaetani. Os desafios comuns às agências de infra-estrutura federais e as dificuldades de se aprofundar o debate sobre o tema ao mesmo tempo em que se buscam superar os gargalos que obstaculizam a consolidação do modelo no Brasil. (Paper: VIII Congreso Internacional del CLAD)
Análise e avaliação do papel das agências reguladoras no atual arranjo institucional brasileiro
2003. Casa Civil da Presidência da República, Câmara de Infra-estrutura e Câmara de Política Econômica. Relatório Final do Grupo de Trabalho Interministerial.
Nova gestão pública e accountability o caso das organizações sociais paulista
2003. Hironobu Sano. Dissertação apresentada ao Curso de Pós-graduação na FGV/EAESP (FGV/EAESP).
A evolução do perfil da força de trabalho e das remunerações nos setores público e privado ao longo da década de 1990
2003. Nelson Marconi. A evolução do perfil da força de trabalho e dos salários praticados no setor público ao longo da década de 1990, comparando com o comportamento observado no setor privado, e sugestão de medidas para a melhoria do sistema salarial. (Paper: Revista do Serviço Público)
Gestão pública orientada para resultados no Brasil
2002. Ariel Garces e José Paulo Silveira. Este texto apresenta os aspectos estruturais do modelo de gestão pública orientada para resultados. (Paper: Revista do Serviço Público).
A reforma administrativa no Brasil: oito anos de implementação do Plano Diretor - 1995-2002
2002. Ciro Campos Christo Fernandes. Paper apresentado ao VII Congresso Internacional del CLAD sobre la Reforma del Estado y de la Administración Pública, Lisboa, Portugal, 8-11 Oct. 2002. (Paper: CLAD)
A política de recursos humanos e a profissionalização da administração pública no Brasil do século XXI : um balanço provisório
2002. Pedro César Lima de Farias e Francisco Gaetani. O Executivo vem produzindo uma silenciosa reforma na sua política de recursos humanos ao mesmo tempo que vem profissionalizando sua força de trabalho de maneira inédita na história do país. (Paper: VII Congreso Internacional del CLAD)
Public management policy change in Brazil: 1995-1998
2002. Francisco Gaetani. This text is an account of the public management reform episode. It applies a narrative structure establish the chain of events that need to be explained. The narrative is organized around key events within the episode and related to its occurrence. (Paper: VII Congreso Internacional del CLAD)
Políticas de gestão pública para o próximo governo
2002. Francisco Gaetani. "In the eight years of the FHC administration, the public policies on public management presented a progress only comparable to the one occurred in the Vargas period". (Paper: Res Publica)
Balanço da reforma do estado no Brasil: a nova gestão pública
2002. Marianne Nassuno e Priscilla Kamada (orgs.).Este livro traz os relatos e conclusões do seminário: "Balanço da Reforma do Estado no Brasil: a Nova Gestão Pública". Apresenta uma avaliação de todo o processo de transformação da gestão pública no governo FHC. (Livro: Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão Secretaria de Gestão ).
O dilema do controle e a falha seqüencial nas reformas gerenciais
2002. Flávio da Cunha Rezende. Este artigo discute o problema da falha seqüencial nas políticas de reforma administrativa, além do dilema do controle e a falha seqüencial. (Paper: Revista do Serviço Público).
A política de recursos humanos na gestão FHC
2002. Marianne Nassuno, Cristóvão de Melo e Carlos H. Knapp (orgs.). Registro dos esforços realizados no sentido de construir uma burocracia profissional, qualificada para os enormes desafios que o Governo Federal tem que enfrentar. (Livro: Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão Secretaria de Gestão ).
A administração com foco no usuário-cidadão: realizações no governo federal brasileiro nos últimos 5 anos
2000. Marianne Nassuno. O texto apresenta algumas realizações - voltadas para a implantação do foco no usuário-cidadão da reforma do aparelho do Estado - empreendida pelo governo federal brasileiro a partir de 1995. (Paper: Revista do Serviço Público).
ANS, a que será que ela se destina?
2000. Januario Montone. A Agência Nacional de Saúde Suplementar para regulação do mercado e protegeção ao consumidor de eventuais abusos. (Jornal: Folha de S. Paulo)
La intrigante reforma administrativa brasileña
2000. Francisco Gaetani. (Paper: Revista del CLAD Reforma y Democracia)
Notas para um debate sobre o princípio da eficiência
2000. Paulo Modesto. O texto trata dos princípios jurídicos de eficiência, como uma das formas de evitar tanto a prepotência quanto a impotência do Estado. (Paper: Revista do Serviço Público).
Teto constitucional de remuneração dos agentes públicos: uma crônica de mutações e emendas constitucionais
2000. Paulo Modesto. Texto base da exposição realizada no XXVI Encontro Nacional de Procuradores Municipais, realizado em Vitória, Estado do Espírito Santo, em 3 de agosto de 2000, bem como da exposição feita no III Congresso Brasiliense de Direito Constitucional, realizado em Brasília, Distrito Federal, em 27 de outubro de 2000.
A reforma administrativa no Brasil: avanços e limites 1995-98
1999. Ciro Christo. Análise sobre a política de reforma administrativa no Brasil durante o período de 1995 a 1998.
O controle social nas Organizações Sociais no Brasil
1999. Marianne Nassuno. (O Público Não-Estatal na Reforma do Estado)
A reforma gerencial do Estado brasileiro no contexto das grandes tendências mundiais
Carlos César Pimenta (1998) Texto apresentado na 14a. Reunião do Grupo de Especialistas do Programa das Nações Unidas em Administração Pública e Finanças. New York: 4-8 maio de1998.
The reform of the Brazilian state apparatus: a rhetoric analysis
1998. Francisco Gaetani.
Relatório de Missão ao Brasil, 16-29 de Maio de 1998
Yehezkel Dror (1998)
Report on Mission to Brazil, 16-29 may 1998
Yehezkel Dror (1998)
Capacitação e desenvolvimento organizacional no setor público.
1997. Francisco Gaetani e Sheila Brandão Baggio. Reflexão apresentada num quadro de incertezas e indeterminação sobre o futuro da Reforma do Estado (ou das alternativas de reformas), não podendo servir de álibi para a paralisia, o escapismo e a protelação, comportamentos tão frequentes na esfera pública. (Paper: II Congreso Internacional del CLAD)
Mejoramiento de la capacidad para gobernar en América Latina
Yehezkel Dror (1996) Documento apresentado no I Congresso Interamericano do CLAD sobre Reforma do Estado e da Administração Pública, Rio de Janeiro, 7-9 de novembro de 1996.
Organização dos usuários e participação na gestão e controle das Organizações Sociais
1997. Marianne Nassuno. O artigo discute a participação dos usuários na gestão das Organizações Sociais, prevista num projeto da reforma do aparelho de Estado atualmente em curso. (Paper Revista do Serviço Público).
 
 
 
 
 

 

© Direitos Autorais Bresser-Pereira
São Paulo - SP | ceciliaheise46@gmail.com

 

Desenvolvido pela E-Xis | www.e-xis.com.br